Uma nova pulseira (smartwatch), lançada pela startup Empatica, foi desenvolvida especialmente para pessoas com epilepsia. Funcionando como um dispositivo detector de crises epilépticas tônico-clônicas bilaterais (conhecidas como convulsões), ela envia sinais de alerta aos familiares quando uma crise vai começar. Neste artigo, vamos abordar mais detalhes sobre esta nova tecnologia.

Detector de crises epilépticas

Detector de Crises Epilépticas

A pulseira Embrace é capaz de detectar com mais precisão o início das crises epilépticas, pois mede vários indicadores de crise, combinando os dados de movimento coletados com acelerômetro e giroscópio a medidas de condutância da pele, que são fortemente alteradas pelo sistema nervoso autônomo simpático.

O Sistema Nervoso Autônomo é composto pelos sistemas Simpático e Parassimpático, sendo responsável pela realização de inúmeras atividades orgânicas.

Em algumas condições médicas (por exemplo, a epilepsia), há aumentos significativos da ação do sistema simpático, relacionados à ativação de estruturas cerebrais específicas.

Alterações na frequência cardíaca, assim como ativação das glândulas sudoríparas, ocorrem como resultado da ativação do sistema nervoso simpático. Portanto, é possível observar aumentos na ativação simpática, monitorando mudanças elétricas sutis na superfície da pele.

Assim, o monitoramento da Atividade Eletrodérmica (atividade elétrica na superfície da pele), avaliada no pulso ou no tornozelo da criança, pode ser usada para alertar os cuidadores sobre as crises. Isso ajuda a prevenir a Morte Súbita e Inesperada na Epilepsia (SUDEP).

Detector de crises epilépticas

Como é a Pulseira Embrace

Com design orientado para parecer um acessório de moda, ela se apresenta como uma pulseira larga e flexível. Sua face quadrada possui um anel que acende para apresentar hora, nível de estresse e crises epilépticas.

Ela dispõe de aplicativos para detectar crises e para avisar quando o nível de estresse passar de um certo nível definido e mesmo monitorar movimento e sono. Sua bateria é recarregável e dura em torno de uma semana.

A pulseira Embrace está aprovada na Europa, como um dispositivo médico para monitoramento e alerta de crises epilépticas desde abril de 2017.

Se o dispositivo detecta uma crise epiléptica, a pulseira vibra, para que o usuário indique se houve um alarme falso. Caso ele não responda, o dispositivo irá se conectar ao seu smartphone para alertar algumas pessoas, como médicos e familiares.

Você está lendo: Embrace – Detector de Crises epilépticas

Pesquisas Realizadas com a Embrace

Foi realizada uma pesquisa de monitoramento de crises no Laboratório do MIT, e mais tarde no Boston’s Children Hospital, todos em Boston, nos Estados Unidos. As duas instituições de renome, estão por trás da criação do aparelho.

Em um estudo clínico, 135 pacientes diagnosticados com epilepsia foram admitidos em unidades de monitoramento de epilepsia, para monitoramento contínuo com vídeo-EEG, enquanto usavam simultaneamente um dispositivo Embrace. Destes pacientes, foram registradas 6.530 horas de dados ao longo de 272 dias, incluindo 40 crises generalizadas tônico-clônicas, sendo que a Embrace foi capaz de detectar 100% das crises epilépticas tônico-clônicas bilaterais.

A Empatica recebeu autorização da FDA para o Embrace, que tornou-se o smartwatch do mundo a ser aprovado pela FDA para uso em Neurologia.

OBS: Na consulta apenas aconselhamos e instruímos sobre o uso do aparelho. Não trabalhamos com vendas de aparelhos médicos.

fontes
http://www.technologyreview.com.br/read_article.aspx?id=46525

https://www.prnewswire.com/news-releases/embrace-by-empatica-is-the-worlds-first-smart-watch-to-be-cleared-by-fda-for-use-in-neurology-300593398.html

https://www.empatica.com/research/science/