O Que é E Como Identificar A Hiperatividade Infantil?

O Que é e como identificar a Hiperatividade Infantil: A hiperatividade infantil é uma condição em que a criança se mostra mais agitada do que outras da mesma idade.

Por isso, ela acaba tendo dificuldades de se concentrar, terminar as atividades ou fazer as tarefas domésticas e escolares.

Suas causas ainda não são totalmente conhecidas. Pode haver influência de vários elementos, tanto genéticos quanto ambientais, como complicações no parto, alterações metabólicas e hormonais, crises familiares ou luto.

Como identificar a hiperatividade infantil?

A hiperatividade infantil sempre vem acompanhada de agitação e impulsividade. Geralmente, a criança não consegue controlar seus impulsos e exterioriza essa vontade no movimento.

As crianças naturalmente já têm mais energia do que os adultos. Por isso, é importante que você tenha cautela, para não acabar confundindo agitação normal com hiperatividade.

Ainda vale lembrar: crianças indisciplinadas ou pouco esforçadas não são necessariamente hiperativas.

De um modo geral, crianças com hiperatividade apresentam determinados sinais dessa condição, como dificuldade de manter atenção em uma tarefa ou de concluir as atividades, sempre pulando de uma para a outra. Elas ainda são mais desorganizadas e parecem não ouvir o que os adultos falam.

Hiperatividade infantil é o mesmo que deficit de atenção?

Embora muitas vezes os termos sejam usados como sinônimos, hiperatividade e deficit de atenção não são a mesma coisa. A hiperatividade pode ser um sintoma do Transtorno de Deficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). Porém, isso não significa necessariamente que a criança hiperativa tenha TDAH, nem que tenha também deficit de atenção. A hiperatividade pode simplesmente se referir a uma criança mais agitada do que outras da mesma idade. O contrário também acontece. Ou seja, também pode haver deficit de atenção sem hiperatividade. Isso geralmente começa a ser percebido durante o processo de alfabetização, durante o qual é mais fácil identificar se a criança tem maior dificuldade de concentração.

 

Adaptado de: Escola da Inteligência | Nov 2016

Por: Dra. Paula Girotto