Rotina na Educação Infantil. Você já percebeu que quando o assunto é a criação de uma criança, sempre aparece alguém com uma dica maravilhosa para dar, seja para ensinar técnicas para auxiliar-la a dormir cedo e rápido, ou que tipo de comida ela pode comer em determinada idade, por exemplo?

E por mais que a intenção dela seja das melhores e a dica funcione para ela, na hora de você coloca em prática o exercício em questão, não dá certo, e você não entende o porquê? Pois eu te explico! Isso acontece por vários fatores, que são influenciados, basicamente, pela rotina de cada família.

Continue acompanhando este artigo para saber Como a Rotina na Educação Infantil Pode Ajudar o Seu Filho a Aprender Melhor.

Rotina na Educação Infantil – A Importância

Quando a criança é criada em um ambiente em que há regras diárias a seguir, como: ter horário para acordar, trocar de roupa, ir para a escola, voltar para a casa, lavar as mãos, almoçar, escovar os dentes, fazer as tarefas de casa, lanchar, brincar, tomar banho, jantar, se higienizar e ir para a cama dormir, ela acaba se acostumando com elas e, consequentemente, se sentindo mais segura e mais independente por causa delas também.

Com a repetição diária dessas tarefas, o seu filho acaba fixando melhor os aprendizados das suas atitudes, mesmo que elas variem em conteúdo, como, fazer a lição de Matemática na Segunda-Feira e a de Português na Terça-Feira ou quando ela almoça feijoada na Quarta-Feira e macarronada na Quinta-Feira, por exemplo. Em nosso artigo: “Como Você Memoriza o que Estuda?“, explicamos melhor porque isto acontece.

Além disso, de tanto você lembrar o que ele deve fazer, chegará uma hora que ele irá fixar o que precisa ser feito e vai tomar a iniciativa de realizar as suas tarefas sozinho, como após acordá-lo, ele irá se arrumar para a escola sem que você precise ficar falando toda hora. No momento em que ele terminar de almoçar, ele entende que terá que fazer as lições de casa para que possa brincar depois e assim por diante.

Rotina na Educação Infantil – Benefícios

Ao inserir uma rotina na vida da criança, você está abrindo portas e ajudando ela a:

  • Ter mais conforto;
  • Se sentir mais confiante e segura;
  • Moldar a sua estabilidade emocional;
  • Se tornar mais livre e independente;
  • Aprender a ter um comportamento positivo e responsável;
  • Como se comportar diante de outras pessoas que irá conhecer com o passar do tempo;
  • Desenvolver habilidades linguísticas;
  • Ampliar o vocabulário;
  • Conhecer novas experiências (brincadeiras, alimentos, tarefas, etc.);
  • Lidar com as transições entre uma tarefa do dia e outra que ele deverá realizar em seguida;
  • Diminuir a ansiedade, e consequentemente, a ter mais equilíbrio;
  • Respeitar e obedecer às regras;
  • Aprender e a desenvolver o seu aprendizado.

Dito isso, quando você for montar a rotina da casa, o que deve ser levado em consideração é a divisão de tarefas. Nessa hora você deve se preocupar com o que funciona melhor no dia a dia da sua família: o horário que vocês acordam, a hora que saem para trabalhar, o período em que a criança estuda, quem vai fazer companhia para ela, o horário das refeições, dentre outras questões que fazem parte do seu cotidiano familiar.

E é importante que você não desista caso algo não funcione na primeira tentativa! Da mesma forma que a maternidade é uma novidade para você, a criança também está aprendendo as coisas pela primeira vez.
Então tenha paciência, mantenha o que está dando certo e vá ajustando o que não estiver funcionando para vocês. Afinal, a rotina pode ser benéfica para os pais também, já que poderão acrescentar o momento para o casal e uma atividade para a família, por exemplo, com a finalidade de estreitar e fortalecer os laços e as relações.

Quando as dificuldades de aprendizagem se estabelecem, apesar dos esforços dos pais e do filho, um neuropediatra pode ajudar a identificar se existe algum distúrbio que esteja causando o problema.

Referência: Early Childhood Australia

Neurologista Infantil SP - Compartilhe!