Lidar com crianças que apresentam Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) pode ser um desafio para os pais. Esta é uma alteração comportamental comum, porém subdiagnosticada nos adultos, acometendo cerca de 3 a 5% da população.

Neste artigo, conheça melhor o TDAH e saiba como ajudar seu filho a controlar a hiperatividade desencadeada pelo distúrbio.

TDAH – O Que É

O TDAH é uma alteração do comportamento que provoca sintomas como: diminuição da atenção, agitação motora, impulsividade, ansiedade, além de dificuldade de planejamento e organização. Frequentemente, afeta a vida escolar, comportamento e interações sociais da criança, podendo acompanhá-la até a vida adulta.

Hiperatividade – O Que É

O comportamento hiperativo determina uma necessidade constante da criança de conversar e movimentar-se. Dificuldade em permanecer sentada ou não conseguir brincar em silêncio, mesmo quando necessário, além da busca constante por “algo para fazer”, também são sinais que podemos identificar na criança hiperativa.

Criança Hiperativa – Como Ajudar

Após um diagnóstico preciso do TDAH, o tratamento é baseado em mudanças comportamentais em casa e na escola, acompanhamento neuropsicológico e tratamento medicamentoso em casos selecionados.

Aqui estão algumas coisas que você pode fazer para ajudar:

Ajudando a Criança Hiperativa – Organize sua Agenda em Casa

Estabeleça horários regulares para a criança acordar, comer, brincar, fazer a lição de casa, fazer tarefas, assistir TV, jogar videogames e ir para a cama. Escreva a programação e pendure-a em algum lugar onde seu filho possa vê-la. Se o seu filho ainda não sabe ler, utilize desenhos ou símbolos para representar as atividades do dia a dia. Explique antecipadamente quaisquer alterações na rotina e certifique-se de que seu filho entenda as alterações.

Ajudando a Criança Hiperativa – Estabeleça as Regras da Casa

Expresse as regras de comportamento para a família de maneira simples, clara e objetiva. É importante explicar o que acontecerá quando as regras forem obedecidas e quando elas não forem. Anote as regras e as consequências de desobedecê-las. Pendure esta lista ao lado da programação diária. As quebras de regra devem receber punições justas, rápidas e consistentes.

Ajudando a Criança Hiperativa – Seja Positivo

Diga ao seu filho o que você quer, e não o que você não quer. Recompense seu filho regularmente por qualquer bom comportamento – mesmo as pequenas coisas, como se vestir e fechar as portas silenciosamente. Crianças com TDAH muitas vezes passam a maior parte do dia sendo informados sobre o que estão fazendo de errado. Eles também precisam ser elogiados pelo bom comportamento.

Certifique-se de suas Instruções São Compreendidas

Primeiramente, busque a atenção do seu filho. Olhe diretamente em seus olhos. Em seguida, diga e ele, com voz clara e calma, exatamente o que você quer. Peça a ele para repetir as instruções de volta para você. Geralmente, é melhor dar ordens curtas e simples. Para tarefas difíceis, dê apenas uma ou duas ordens de cada vez. Não deixe de parabenizar a criança diante da conclusão de cada passo certo.

Ajudando a Criança Hiperativa – Seja Consistente

Prometa à criança somente aquilo que você cumprirá. Faça o que você diz que vai fazer. Repetir ordens e solicitações muitas vezes, não funciona. Quando seu filho quebra as regras, chame sua atenção apenas uma vez e com uma voz tranquila. Se a advertência não funcionar, siga com a punição que você prometeu. Não utilize o castigo físico, pois ele só piora as coisas.

Como são impulsivas, as crianças com TDAH precisam de mais supervisão do que outras crianças de sua idade. Certifique-se de que seu filho é supervisionado por adultos durante todo o dia.

Preste Atenção ao seu Filho quando ele estiver com outras crianças

A criança com TDAH costuma ter mais dificuldade em aceitar e lidar com regras sociais. Por isso, tenha cuidado ao selecionar companheiros de brincadeira para seu filho. É importante convidar apenas um ou dois amigos, com linguagem e habilidades físicas semelhante. Observe-os atentamente enquanto jogam. Recompense bons comportamentos no jogo e não permita agressões ou gritos exagerados em sua casa ou quintal.

Ajude com as Atividades Escolares da Criança Hiperativa

As manhãs de escola podem ser difíceis para crianças com TDAH. Portanto, adiante algumas atividades na noite anterior, como separar o uniforme da escola e organizar a mochila. Permita tempo suficiente para o seu filho se vestir e tomar um bom café da manhã. Se ele for muito lento de manhã, acorde-o mais cedo. É importante ter tempo suficiente para se vestir e comer adequadamente antes da aula.

Configure a Rotina do Dever de Casa

Escolha um lugar tranquilo para a realização da lição de casa. Este lugar deve ficar longe de distrações, incluindo outras pessoas, televisão e jogos de videogame. Divida o tempo da lição de casa em pequenas partes, e faça as pausas necessárias. Ofereça bastante incentivo e ajude-o a recuperar a atenção quando ele não conseguir se concentrar sozinho, mas deixe que ele próprio faça a tarefa escolar.

Concentre-se no Esforço, não só nas Notas

Recompense seu filho quando ele terminar a tarefa escolar. Você também pode dar recompensas extras quando ele conseguir notas melhores.

Outras dicas que podem ser úteis são:

  • Aproveite o seu tempo livre para ouvir e brincar de forma descompromissada com seus filhos;
  • Ame-os abraçando-os, fazendo-lhes cócegas, brincando com eles (eles precisam de muito contato físico);
  • Procure e incentive seus pontos fortes, interesses e habilidades. Essas crianças geralmente tem muito mais energia que as outras, vamos tornar isso um ponto forte!
  • Recompense-os com elogios, palavras amáveis e sorrisos;
  • Aceite-os pelo que são e pelo seu potencial de crescimento e desenvolvimento. Seja realista em suas expectativas e demandas;
  • Envolva-os no estabelecimento de regras e regulamentos, horários e atividades familiares;
  • Diga-lhes quando se comportam mal e explique como você se sente sobre seu comportamento. Peça a eles que proponham formas de comportamento mais aceitáveis;
  • Dê-lhes tarefas razoáveis ​​e uma responsabilidade de algum trabalho familiar regular, sempre que possível;
  • Ofereça-lhes uma mesada o mais cedo possível e, em seguida, ajude-os a planejar os gastos dentro do orçamento;
  • Forneça brinquedos, jogos, atividades motoras e oportunidades que os estimulem em seu desenvolvimento;
  • Leia histórias agradáveis ​​para eles e com eles. Encoraje-os a fazer perguntas, a discutir histórias, a recontar a história;
  • Aumente sua capacidade de concentração, reduzindo os aspectos perturbadores do ambiente tanto quanto possível (dê-lhes um lugar silencioso para trabalhar, estudar e jogar);
  • Ajude-os a desenvolver sua auto-estima e a competir com eles mesmos, e não com os outros;
  • Insista para que eles cooperem socialmente jogando, ajudando e servindo os outros, na família e na comunidade;
  • Sirva de modelo para eles, lendo e discutindo materiais de interesse pessoal. Compartilhe com eles algumas das coisas que você está lendo e fazendo;
  • Não hesite em consultar professores ou outros especialistas sempre que você sentir que é necessário, com o objetivo de entender melhor o que pode ser feito para ajudar seu filho a aprender.

Se você acha que seu filho é hiperativo ou desatento, consulte um neuropediatra. Ele poderá estabelecer um diagnóstico e, caso confirmado o quadro de TDAH, oferecerá o tratamento mais adequado.

Fonte: https://www.nimh.nih.gov/health/topics/attention-deficit-hyperactivity-disorder-adhd/index.shtml

Artigo publicado em: 17/05/2017.

Artigo atualizado em: 09/01/2019.

Por: Dra. Paula Girotto

Neurologista Infantil SP - Compartilhe!